Café faz bem ou mal para saúde? Esclareça suas dúvidas sobre o Café

5 (100%) 3 votes

Então gente, tem muitas pessoas que ainda acreditam que o café possa trazer prejuízos á saúde, por isso no post de hoje resolvemos esclarecer se o café faz bem ou mal à saúde.

Confira os tópicos do post de hoje,

  • Café faz bem ou mal
  • Café descafeinado
  • Quais os riscos do consumo exagerado
  • Crianças e gestantes podem tomar café
  • Café realmente tira o sono
  • A cafeína pode diminuir a dor

Veja também:

<O que fazer com a borra do café?>

 

CAFÉ FAZ BEM OU MAL PARA SAÚDE?

name

A resposta mais segura é: depende. A dose consumida diariamente, o tipo de grão usado, os hábitos associados e as particulares de cada organismo, influenciam a maneira como uma pessoa é afetada pelo café. Nos últimos anos, diversos estudos trouxeram resultados animadores em relação ao café: foram encontradas fortes evidências de que ele reduz os riscos de se desenvolver diabetes tipo II e mal de Parkinson, além de demonstrar efeito antidepressivo.

Outro benefício fica por conta da cafeína, que interage com neurorreceptores de adenosina. Ao fazer com que menos adenosina se ligue a eles, ajuda a manter a atividade cerebral mais intensa, evitando sonolência.

Mas os benefícios do grão vão muito além de simplesmente espantar o sono. Conhecer seus efeitos é importante, pois nos ajuda a valorizar a bebida e as consequências para nossa saúde

Segundo os médicos, para a maioria das pessoas que não experimentam os efeitos negativos, os benefícios superam os riscos.

 

ANALGÉSICO

Sim, é comprovado que o café têm efeitos positivos para reduzir dor de cabeça. Para aliviar a dor d uma inflamação de ouvido, por exemplo, consumir pequenas doses de café preto pode ser muito eficiente. Além disso, o café também auxilia na redução de dores desencadeadas por problemas reumáticos ou artrites.

 

DIURÉTICO

Devido aos níveis de cafeína presentes no café, consumi-lo pode provocar a vigília, mantendo as pessoas mais alertas, e também combater a retenção de líquidos. Os mesmos resultados podem ser obtidos com outras bebidas, como algumas variedades de chás.

 

ANTIOXIDANTE

Apesar de seus efeitos ácidos no sistema digestivo, os polifenóis presentes no café o transformam em poderoso antioxidante, auxiliando na limpeza do sangue das toxinas e metais pesados, com efeitos antienvelhecimentos.

 

VASODILATADOR

O café pode ser usado por pessoas que sofrem de problemas de pressão baixa e até mesmo depressão. Porém, nesses casos, seu uso deve ser regulado por um profissional da saúde, já que será administrado como medicamento.

 

LAXATIVO

Todas as bebidas quentes podem funcionar como estimulantes para a digestão, inclusive o café. A vantagem da bebida é que, além de aumentar a temperatura, ela acelera o ritmo cardíaco, o que aumenta a circulação do sangue e o oxigênio no intestino, melhorando consequentemente a digestão. O melhor é tomá-lo alguns minutos depois das refeições, pois ajudará a dissolver alguns alimentos que não foram processados corretamente.

É importante ressaltar que , mesmo com tantos benefícios, o café  deve ser consumido com cautela. O excesso de cafeína pode levar à insônia, nervosismo, irritação, aceleração do ritmo cardíaco, aumento da pressão arterial, irritação da mucosa do estômago causando dor e queimação.

Outros estudos mostram que o consumo excessivo (mais de quatro xícaras por dia) pode levar a uma redução de densidade óssea, pois o líquido negro facilitaria a excreção de minerais importantes como o cálcio e magnésio, além de reduzir a absorção de ferro (mineral essencial para prevenir anemias). Para quem toma muitos cafezinhos, com açúcar ou mesmo adoçante, também há o comprometimento da saúde pelo excesso de glicose ou das substâncias químicas presentes nos edulcorantes artificiais.

Na prevenção do diabetes não vale tomar o café com açúcar nem adoçante, o ideal é se habituar a ingerir o café amargo ou com um pouco de leite.

O que poucos conhecem é que o café não causa ou desencadeia doenças como esofagite, gastrite ou úlcera. A bebida só não é recomendada para as pessoas que já possuem estas patologias, por estimular os movimentos gástricos, podendo intensificar os sintomas de quem já os têm. Portanto, se você não apresentar sintomas de doenças no sistema digestivo, sua xícara de café depois do almoço está garantida.

A incidência de obter câncer de mama e próstata é menor em pessoas que consomem café diariamente. Então não fica aí se perguntando se o café faz bem ou mal para saúde. Faça uso já dessa bebida habitualmente.

O CAFÉ FAZ BEM OU MAL PARA SAÚDE ESTANDO ELE DESCAFEINADO?

O café descafeinado foi criado para que, aqueles que evitam a cafeína devido o seu efeito irritante (portadores de gastrite, úlcera e esofagite), possam consumi-lo com menores riscos. Os grãos do café, dependendo da origem e da variedade , tem entre 0,8% e 2,5% de cafeína, enquanto os descafeinados passam a ter por volta de 0,1%.

Obtém-se o café descafeinado extraindo a cafeína dos grãos maduros recém-colhidos.

Este tipo de café possui o mesmo aroma, sabor e textura do café comum, porém, menor teor de cafeína. Alguns estudos questionam os reais benefícios dessa bebida, pois sugerem que este tipo de café aumente os níveis de colesterol ruim no sangue, elevando, consequentemente, o risco de doenças cardiovasculares. O ideal seria de um a dois cafés por dia.

O CAFÉ FAZ BEM OU MAL EM RISCOS DO CONSUMO EXAGERADO?

name

O consumo acima de três copos diários de cafeína pode trazer outros riscos, como:

  • Elevação da pressão arterial (pessoas com hipertensão devem evitar consumir mais de 500 mg por dia de cafeína).
  • Arritma cardíaca: a cafeína aumenta a frequência cardíaca.
  • Piora de quadros gástricos, como refluxo e gastrite, porque a cafeína irrita o sistema digestivo, principalmente quando o consumo é em jejum.
  • Dificuldade para absorção do cálcio, pois a cafeína reduz a absorção intestinal desse mineral, contribuindo para o aparecimento da osteoporose.
O CAFÉ FAZ BEM OU MAL PARA AS CRIANÇAS?

As crianças podem tomar café. desde que não ultrapassem a dose recomendada. O sistema neurológico infantil é mais sensível e o excesso de cafeína pode prejudicá-lo. Mas, mantido este cuidado com a quantidade, o café pode aumentar a concentração e a disposição mental, ajudando crianças com déficit de atenção. Melhor se for misturado ao leite.

CAFÉ REALMENTE TIRA O SONO?

Sim. Isso acontece porque o consumo de cafeína bloqueia a ação de um componente químico do cérebro, que determina a necessidade de sono e desperta a vontade de dormir. Os efeitos da cafeína persistem por quatro a seis horas após o consumo. É preciso ter isso em vista para que uma xícara de café não se transforme em gatilho para a insônia.

A CAFEÍNA PODE DIMINUIR A DOR?

Doses moderadas de cafeína – o equivalente a duas xícaras de café – podem reduzir significativamente a dor muscular pós-academia. Mas a pesquisa foi realizada em pessoas que não são usuários regulares.

O CAFÉ FAZ BEM OU MAL PARA GESTANTES ?

Embora o consumo de cafeína não esteja relacionado à má formação ou retardo do crescimento uterino, o ideal é que a gestante não consuma quantidades muito altas de cafeína, sendo o limite seguro de 300 mg por dia, isso por que o consumo excessivo de café pode levar à perda de peso da gestante e do feto.

 

Veja também:

A revista Veja faz esclarecimentos sobre o consumo elevado de café nas pessoas .

Gostou das dicas sobre se o café bem ou mal?

Não esqueça de deixar seu comentário sobre o assunto

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *